Na manhã dessa quinta-feira (01) a Polícia Civil da cidade Joinville, Santa catarina, apreendeu alianças avalizadas em R$ 7 mil, relógios, um carro no valor de R$ 140 mil, além de outros objetos na residência da família do garoto Jonatas, que sofre de uma doença rara.

 

O casal que são os pais do menino, estão sendo investigados por supostamente estarem usando parte das doações que foram arrecadadas durante uma campanha chamada “AME Jonatas” para pagar luxos. A NSC TV tentou entrar em contato com o advogado e com a família, mas não conseguiram.

Segundo informações, a campanha já teria arrecadado quase R$ 4 milhões. O menino Jonatas, de 1 ano e 8 meses, sofre de atrofia muscular espinhal (AME), essas doações seriam para custear a primeira parte do tratamento da criança.

Em entrevista para a NSC TV, a delegada responsável, Geórgia Bastos, revelou que essa ação policial fez parte do inquérito e que a Polícia Civil irá informar sobre o andamento das investigações.

Patrocinado: Veja este Vídeo abaixo e Aprenda de forma Simples e na Pratica como Ganhar dinheiro Online começando do Zero
Foto/Reproduação

Entenda melhor o caso.

Em janeiro de 2018, a Justiça bloqueou, de forma liminar, os valores arrecadados durante a campanha, quem pediu o bloqueio foi o MPSC (Ministério Público de Santa Catarina). O MPSC usou como argumento que havia recebido informações de que os valores arrecadados estavam sendo usados para pagar luxos, inclusive uma viagem para passar o réveillon na cidade de Fernando de Noronha e também a aquisição de um carro de R$ 140 mil.

O MPSC, ainda justificou o pedido do bloqueio considerando o fato do casal não estar cumprindo o acordo feito em audiência em outubro de 2017, que tinha como dever prestar contas dos recursos arrecadados e também das despesas custeadas por tais doações.

Já em fevereiro, a Polícia Civil decidiu abrir um inquérito para investigar o caso, também a pedido do MPSC. Também em fevereiro a justiça já havia negado recurso da família para o desbloqueio dos recursos.

As investigações seguem em curso.

 

Pegou mal: Polícia apreende carro e bens de família que arrecadou dinheiro com campanha para ajudar bebê

Comentários

Comentários

Classificado como:

Deixe uma resposta