Os clientes daquela loja do Walmart, em Newcastle, Oklahoma (EUA), estavam cada vez mais impacientes.

Já era tarde da noite de uma sexta-feira e muitos dos clientes estavam resmungando e reclamando sobre aquela senhora na frente da fila, que demorava para pagar suas compras.

Aquela senhora estava um pouco frustrada, parecendo fazer malabarismos para conter suas três crianças hiperativas e tentar colocar suas compras na esteira do caixa, ao mesmo tempo.

Mas ela não imaginava que seria atendida por um jovem tão disposto a ajudá-la.

“Eu perguntei-lhe se tinha sido um daqueles dias”, contou o funcionário Nicholas Tate, que atendeu aquela senhora no caixa, naquela noite. “Ela disse que realmente tinha sido um daqueles dias”.

A mulher explicou que ela era mãe adotiva e que acabava de se inscrever para um programa federal que ajuda as famílias de baixa renda, conhecido como ‘WIC’.

“Ela pediu desculpas já de antemão, porque ela estava usando um cartão cedido pelo programa e nem sabia como usá-lo ainda”, acrescentou o funcionário, que também é estudante do Instituto Bíblico de Austin.

O empregado de 20 anos sorriu e tranquilizou aquela mãe adotiva, afirmando que aquilo não seria um problema.

Infelizmente, Nicholas acabou se enganando, pois houve um problema. Vários produtos não estavam sendo aprovados para serem pagos com aquele tipo de cartão – incluindo um dos itens mais importantes: a fórmula de leite para o bebê. Ele passou o cartão diversas vezes, mas o pagamento continuava sem autorização do sistema.

Nicholas, então chamou um gerente local e os clientes que estavam na fila pareciam ficar ainda mais impacientes. Mas em todo aquele caos, o jovem funcionário ouviu uma voz.

“Eu senti que Deus estava pedindo para que eu pagasse aquelas compras”, disse ele. “Não tive dúvida, Deus estava dizendo: ‘Pague por isso”.

E foi exatamente isso que Nicholas fez. Ele passou o seu próprio cartão de crédito para pagar o valor de 60 dólares em mantimentos. Aquela mãe adotiva não conteve suas lágrimas, agradeceu ao rapaz e saiu da loja.

Nicholas é um cristão e está aproveitando seus estudos no Instituto Bíblico de Austin para se investir em seu ministério de missões. Ele pretende desenvolver seu ministério como missionário em Honduras.

O rapaz contou que quando sente Deus falar com ele, não hesita em obedecê-Lo.

“Quando Deus me diz para fazer algo, eu simplesmente faço o que tem que ser feito”, disse ele. “Deus me disse: ‘Eu coloquei você neste lugar no momento certo, e eu sabia que você estava pronto para isso – pague estas compras. Então, sem hesitação, tirei meu cartão e o passei”.

Poucos dias depois, um cliente se aproximou de Nicholas dentro do Walmart e mostrou-lhe uma publicação no Facebook, perguntando se ele era aquele funcionário mencionado na publicação.

O post foi feito pela própria mãe adotiva que foi ajudada por Nicholas naquela noite. Ela ficou tão emocionada que acabou nem expressando toda sua gratidão ao rapaz por sua bondade. Então ela escreveu uma mensagem no Facebook com a esperança de descobrir o nome do jovem.

Após Nicholas ver a publicação, acabou reencontrando aquela senhora, para que ela pudesse expressar toda sua gratidão.

“Foi muito legal encontrá-la e falar com ela”, disse ele.

Nicholas disse que ficou surpreso com a quantidade de pessoas que comentaram o ocorrido.

“Eu estava apenas tentando abençoar alguém e melhorar o dia para aquela pessoa, mas isso se transformou em algo incrível”, disse ele.

Não demorou muito para que as estações de televisão estivessem ligando com promessas para tornar Nicholas famoso, mas não é sobre o que é essa história.

“O importante não foi o que eu fiz”, disse Nicholas. “Mas sim o que Deus fez através de algo tão pequeno. Ele pegou algo tão pequeno e glorificou Seu nome com isso”.

COM INFORMAÇÕES DO CHARISMA NEWS

Funcionário do Wall-mart é tocado por Deus e dentro do super-mercado faz algo que vai te deixar sem palavras, Veja

Comentários

Comentários

Classificado como: